Quarta-feira, 22 de Setembro de 2010

Falar mourisquense (21)

NÃO MERECE – Não tem de quê. Resposta a agradecimento. (Obrigado, tia Rosária, pela erva para os coelhos. Não merece, Maria.)BARBILHO – Bocado de madeira colocado na boca de borrego ou cabrito e preso atrás da cabeça para o impedir de mamar durante o desmame.PLANGANA – Indivíduo mole, que não presta para nada. (É um plangana. Só serve para comer e dormir.)LAMPRANCHA – Indivíduo mole, que não presta para nada. (Não tens força nem jeito. És mesmo um lamprancha.)BOUGA – Aparvalhado, pouco inteligente. (Não diz nada com jeito. Cada vez está mais bouga.)TONTARELA – Tonto, simplório. (Deixa-se enganar nos trocos. É uma tontarela.)ESTERROAR-SE – Gabar-se. (Não tem feito outra que se esterroar com o casamento do filho com uma mulher rica.)FALAÇADA – Ruído de pessoas a conversar. (Toda a noite se ouviu uma falaçada na rua.)COM OS BOFES NA MÃO – Cansado. (Quando começou a chover desatou a correr e chegou a casa com os bofes na mão.)SARDINHEIRO – Homem que vendia peixe em venda ambulante. (Noutros tempos as pessoas tinham que se levantar cedo e esperar pelo sardinheiro para comprar peixe.)CALDEIREIRO – O caldeireiro vinha às nossas casas e consertava panelas e tachos e fazia outros serviços como consertar borcelos na louça ou amolar tesouras. DESINQUIETAR – Levar ou tentar levar alguém a proceder de certo modo. (Desinquietaram-no para trabalhar no Porto. Ele desinquietou-me para ir a uma excursão ao Porto. Devia estar a estudar, mas vieram desinquietá-lo para ir jogar a bola.)DESENCABRESTAR – Desinquietar para ir a divertimento. (Bem precisas de estudar, mas já aí estão os do costume para te desencabrestar para a bola.)ESTALAJADO – Achatado, com pouca altura. (As tigeladas são bolos estalajados.)ESCALAMEJAR – Escaldar. (Não metas as mãos nesta água que está a escalamejar.)ANECRAL – Lacrau. (Foi mordida por um anecral que estava debaixo dum molho de feno.)ANECRIL – Alecrim. (Noutros tempos quando nascia uma criança faziam-se defumadouros de anecril para afastar maus espíritos.)CAFÉ – Primeira refeição. (Ainda não comeste nada e deves estar com fome. Anda beber o café.)TORNAS – Quando não era possível dividir uma herança de terras e casas em partes iguais, o herdeiro que ficava com um quinhão maior, compensava os outros em dinheiro. A essa compensação dava-se o nome de tornas. (Ele deu tornas ao irmão, porque ficou com uma fazenda um pouco maior.)TORNA-DIAS – Esquema em que uma pessoa trabalhava uns dias para uma pessoa, a qual pagava com dias de trabalho. Por exemplo, um homem ajudava outro a sachar milho durante dois dias e depois os papéis trocavam-se e o segundo homem sachava milho dois dias para o primeiro. (Termo sugerido por Augusto Maia Alves)PENSÃO – Trabalho, preocupação, cuidado. (O filho aconselhou-o a ter uma vaca, mas ele já tinha cabras e ovelhas e não quis arranjar mais uma pensão.)BELICOSO – Exigente com a comida. (Este miúdo é belicoso com a comida. Em tudo põe defeitos e não gosta de quase nada.)FAZER FIGURAS – Fazer uma figura ridícula. (Esse fato tem nódoas e falta de botões. Não andes para aí a fazer figuras.)
publicado por João Manuel Maia Alves às 09:24
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Casamentos à moda antiga ...

. Casamentos à moda antiga ...

. Casamentos à moda antiga

. Alcino Serras - atleta d...

. Paulo Lourenço – trabalho...

. Paulo Lourenço – trabalho...

. Major-general médico Carl...

. Curioso costume

. Notícia de 1901

. Chuva de estrelas nas fes...

.arquivos

. Junho 2016

. Maio 2016

. Maio 2014

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds